musicas.mus.br

Letras de músicas - letra de música - letra da música - letras e cifras - letras traduzidas - letra traduzida - lyrics - paroles - lyric - canciones - MISERICóRDIA - COSTA GOLD - música e letra

Utilize o abecedário abaixo para abrir as páginas de letras dos artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

Misericórdia letra


Tanta miséria que vemos por aí,
Ensinam a valorizar...
Tudo aquilo te motiva a sorrir,
Ou simplesmente sonhar!
Longe de opiniões alheias, incendeia...
A vontade de colher aquilo que você semear.

(Adonai)
Bate...
O vento lá fora,
Não ignora...
Forte,
O que sinto agora!
É a trilha sonora
De uma cena rara,
De um cara, cara a cara
Com os próprios devaneios
Porém nunca se ampara!
E a cara é...
Pelo mais fácil optar!
Não perder a fé!
Só fugir pra outro lugar...
E nem toda habilidade

De percorrer a cidade,
Toda ao alarde não vai mais o alcançar!
Neurose não pode abalar...
Sua boca não vai se calar!
Maldade só vai ficar lá!
Morando na sua alma se você deixar...
Se entregar a quem não quer você,
Só tragar o que não quer mais ver!
Naufragar seus sonhos ao redor,
E quando estiver só,

Perceber...
O quanto frágil um demônio pode ser!
Antes de notar que sua carne vai apodrecer...
Exorcizar o que infectou (meu) seu ser!
Tragando toda essência do amanhecer...

Tanta miséria que vemos por aí,
Ensinam a valorizar...
Tudo aquilo te motiva a sorrir,
Ou simplesmente sonhar!
Longe de opiniões alheias, incendeia...
A vontade de colher aquilo que você semear.

Cada vez mais! To vendo que o mundo tá louco!
E que tá osso...
Que nego num ajuda,
Nego até muda
Depois de famoso...
O cash ilude
Sua atitude,
E com o rap pude,
Entregar mensagem mais rápido que “fast-food”...
Cansei de ver farol com criança...
No brasil vejo miséria porque não vejo infância!
Separa um advogado e o valor da sentença,
Que hoje eu vou assalta uns banco e esfaquear o datena!
Chega de palhaçada,
Hora de da na cara!
Hora de fuder quem tá no controle,
Que pensa que pode fazer o que quiser,
Porque ninguém vai falar nada

Vou dar facada!
Num vai da nada...
Eu vou fuder com a mente, e minha mente tá safada!
Eu já li, que aqui, tem menos miséria sepá...
Mas num vou confia, na dilma e no ipea.
É a presidência, é a presidenta!
E o brasil preso no penta,
Então aguenta e peita!
Que ser do rap é ser resistência!

Verso o que acabou!
Simplório e peço a paz que trouxe...
A vida não é um bolo doce,
Quem que viu, vê
E vai saber!
Que a nação engole,
Um cuzão promete!
Deixa nós na mão
De um “boy” otário de topete!
O ensino público é precário e sem conceito!
Pra nós nascer e crescer
Sem lutar pelos próprios direitos!
É? É...

Uma nação no parapeito!
Na lasca do penhasco
E o carrasco do capeta, fi!
Corrupção move o planeta!
Vai ter “bonde da estronda”
Enquanto cês quiserem ver
Mais teta do que letra!
Costa gold é meu brado “liricista”!
Enquanto eu olhar pra pista,
Movendo o “bate-cabeça”!
Volte o pulo!
Bebendo “scotch” puro!

Corte, furo!
Dote puro,
Sorte eu juro,
Vote nulo!
Pode tudo!
Eles fodem, word God!
Atacar o “wood”,
Pode duro,
O cofre é burro!
Vote nulo

Tanta miséria que vemos por aí,
Ensinam a valorizar...
Tudo aquilo te motiva a sorrir,
Ou simplesmente sonhar!
Longe de opiniões alheias, incendeia...
A vontade de colher aquilo que você semear.

Costa Gold - Letras

©2003 - 2017 - musicas.mus.br